Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Servidora de Vitória apresenta experiência de sucesso sobre combate ao tabagismo

Publicada em 02/09/2019, às 15h24

Por Giovana Rebuli Santos (girsantos@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Matheus Thebaldi


Divulgação Semus

Tabagismo

Iraci Marques de Oliveira apresentou trabalho sobre o Grupo de Apoio ao Tabagista (GATT) da US Vitória (Ampliar imagem)

A enfermeira da Unidade de Saúde (US) Vitória Iraci Marques de Oliveira apresentou o trabalho "Grupo de Apoio Terapêutico como Método de Enfrentamento ao Tabagismo" durante a Semana da Enfermagem, realizada pelo Conselho de Enfermagem do Espírito Santo (Coren-ES), que terminou na última sexta-feira (30).

Iraci verificou que, dentro do grupo que conseguiu deixar o tabagismo, quase 30% das pessoas conseguiram abandonar o vício apenas com o apoio multiprofissional da equipe.

"Todas as pessoas, quando nos procuram para parar de fumar, acreditam que não conseguirão deixar o cigarro sem a ajuda de medicamentos. Mas os estudos e as pesquisas mostram que a força de vontade é uma ferramenta poderosa para a mudança de hábitos, sendo fundamental para deixar o tabaco", explicou Iraci.

Entre os moradores atendidos pela equipe multiprofissional do Grupo de Apoio ao Tabagista (GATT) da US Vitória, encontra-se José Carlos Netto, de 57 anos. Ele conta que começou a fumar ainda na adolescência, mas conseguiu deixar o tabaco com a ajuda do GATT.

"Quero ver meus netos jovens, se formando. Minha família me apoiou muito. E tudo melhorou na minha vida sem o cigarro: durmo, como e respiro melhor. Foi uma luta, mas eu venci e hoje sou livre do cigarro".

Tratamento

Em Vitória, todas as 29 unidades de saúde estão aptas a realizar ações para enfrentar o tabagismo em dois eixos: na prevenção e no tratamento dos tabagistas, por meio do GATT.

As ações visam reduzir a iniciação do tabagismo, principalmente entre jovens, aumentar o fim do tabagismo entre os que se tornaram dependentes e proteger todos dos riscos do fumante passivo. Para o munícipe que deseja parar de fumar, a orientação é procurar a unidade de saúde mais próxima e iniciar o tratamento no início de um novo GATT.

O GATT é o preconizado pelo Instituto Nacional de Câncer (Inca), que inclui a abordagem cognitivo-comportamental do fumante, com treinamento de habilidades comportamentais, visando à cessação e à prevenção da recaída. O indivíduo deve passar por uma consulta de avaliação clínica antes de iniciar as sessões de abordagem.

Nela, são avaliados a motivação da pessoa em deixar de fumar, seu nível de dependência física da nicotina, se há indicação ou contraindicação de uso do apoio medicamentoso, existência de comorbidades psiquiátricas e sua história clínica.

A abordagem cognitivo-comportamental consiste em sessões individuais ou no GATT, com 10 a 15 participantes. Durante as sessões, os indivíduos que tiverem indicação como poderão utilizar apoio medicamentoso do adesivo transdérmico de nicotina (21mg, 14mg e 7mg), goma de mascar de nicotina (2mg) ou cloridrato de bubropiona (150mg).


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site