Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Vitória entre as cidades mais saudáveis do País

Publicada em 29/07/2019, às 06h00

Por Matheus Thebaldi (mgthebaldi@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Matheus Thebaldi


Leonardo Silveira

Local do treino da equipe de Vitória de futebol de areia

Vitória está na quinta posição entre as cidades onde mais se praticam atividades físicas (Ampliar imagem)

Vitória é uma das capitais mais saudáveis do País. É o que aponta a Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), de 2018, do Ministério da Saúde.

A pesquisa leva em conta consumo de álcool, alimentos saudáveis, prática de atividades físicas e obesidade, por exemplo.

A capital aparece em 7º lugar entre as cidades com menor incidência de excesso de peso, com 52,1% da população. Em relação ao consumo de frutas e hortaliças em cinco ou mais dias da semana, Vitória aparece na 4ª posição, com o índice de 41,8%. 

Quanto à prática de atividades físicas pelo menos 150 minutos por semana, a capital está em 5º lugar no ranking de maior incidência.

"É com muita satisfação que recebemos essa informação de que Vitória se encontra entre as capitais mais saudáveis do Brasil. Acredito ser fruto da dedicação, empenho e carinho com nossos munícipes. A Secretaria de Esportes e Lazer tem investido nas academias de forma geral para todas as idades, bem como nos espaços esportivos, sem contar as escolinhas e o fomento geral do esporte", disse o secretário de Esportes e Lazer, Antônio Louzada.

Diego Alves

PRAÇA DA ACADEMIA POPULAR DE SANTO ANTÔNIO

Aeróbica noturna contribui para a qualidade de vida de moradores da capital (Ampliar imagem)

Qualidade de vida e esportes em Vitória

O resultado da pesquisa é reflexo de uma cidade que respira esportes. Desde as primeiras horas do dia, já é possível ver moradores praticando atividades físicas, seja no calçadão ou areia da praia, no mar, nos parques municipais, nas academias populares, nos módulos do Serviço de Orientação ao Exercício (SOE) ou em quadras e campos de futebol soçaite.

Também é possível fazer aulas gratuitas de aeróbica noturna em vários bairros. Também há Academias Populares para a Pessoa Idosa

Quem gosta de aventura pode se dirigir às áreas de skate de Camburi e do Tancredão ou à pista de bicicross do Atlântica Parque, onde há também campo de futebol, parquinho, pracão, entre outras modalidades.

Em todo lugar é possível ver a movimentação de pessoas preocupadas em manter a saúde e o corpo em dia.

Muitos madrugam ou esperam o nascer do sol para suar a camisa e ganhar energia para o restante do dia. Assim é Vitória. A galeria de fotos comprova isso.

Da praia de Camburi até o Tancredão, moradores e turistas praticam variadas modalidades, como corrida, caminhada, hidroginástica, natação, canoa havaiana e futebol. Moradores e turistas aproveitam os espaços e equipamentos para ganhar qualidade de vida e bem-estar.

Pesquisa

De acordo com o Ministério da Saúde, a prática de alguma atividade física no tempo livre, pelo menos 150 minutos na semana, aumentou 25,7% (de 2009 a 2018) no Brasil, saindo de 30,3%, em 2009, para 38,1% em 2018.

Os dados apontam que a prática de alguma atividade física no tempo livre é maior entre os homens, 45,4% do que entre as mulheres 31,8%. Quando verificado a incidência por faixa etária, o aumento é mais expressivo na população de 35 a 44 anos, com crescimento de 40,6% nos últimos dez anos.

Uma mudança significativa entre os hábitos alimentares dos brasileiros é o aumento de 15,5% no consumo recomendado de frutas e hortaliças pela Organização Mundial da Saúde (cinco porções diárias pelo menos cinco vezes na semana) em comparação com 2008.

Em 2018, o percentual do consumo chegou a 23,1% em comparação com os 20% de 2008. A pesquisa Vigitel apontou ainda que o consumo é mais frequente entre as mulheres, 27,2% do que entre os homens, 18,4%. Embora o crescimento, apenas 23,1% dos brasileiros - 1 entre 4 adultos - consomem o recomendado.

Já a prevalência da obesidade volta a crescer no Brasil. Sobre esse índice, houve aumento de 67,8% nos últimos treze anos, saindo de 11,8% em 2006 para 19,8% em 2018. O Brasil nos últimos três anos apresentava taxa estáveis da doença. Desde 2015, a prevalência de obesidade se manteve em 18,9%.

Matéria relacionada

Vitória está entre as cidades mais felizes do Brasil


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site