Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Anuário Estatístico do Turismo traz panorama do setor em Vitória

Publicada em 05/11/2015, às 17h00 | Atualizada em 06/11/2015, às 10h01

Por Rejane Gandini Fialho (rgfialho@vitoria.es.gov.br) | Com edição de SEGES/SUB-COM


Diego Alves

Praça dos Desejos com mar ao fundo (Vista do Hotel Sheraton

Anuário do Turismo traz informações sobre fluxo de passageiros e dados sobre os visitantes e trabalhadores do segmento (Ampliar imagem)

A Secretaria Municipal de Turismo, Trabalho e Renda (Semttre) lançará, na próxima semana, o Anuário Estatístico do Turismo 2015. O documento mostra um panorama do setor no mundo, no País e na capital, além de apresentar um perfil em áreas como hotelaria, trabalho e competitividade.

O Anuário será apresentado em um evento que tem como tema "Turismo em números: Monitoramento de indicadores como ferramenta de planejamento", na Faculdade Estácio de Sá, em Jardim Camburi, na quarta-feira (11), às 19 horas.

O coordenador do Observatório do Turismo, Laurent Rassi, vai apresentar o material, que oferece ainda possibilidade de conhecimento de dados sobre o fluxo de passageiros, as demandas dos Centros de Atendimento ao Turista (CAT´s), o trabalho realizado pelo Visitar e os eventos realizados na cidade.

"A publicação do Anuário é uma demonstração do trabalho profissional realizado pela Prefeitura, cujos resultados são acompanhados pelo Ministério do Turismo, que, a cada ano, mede a evolução do setor por meio de índices de competitividade, nos quais Vitória vem se destacando e ocupando patamares acima da média nacional, principalmente nos últimos dois anos (2013 e 2014)", destacou o secretário municipal de Turismo, Trabalho e Renda, Leonardo Krohling.

Parceria

A proposta do Anuário é ainda fortalecer a parceria com o trade turístico, conforme explicou o secretário Leonardo Khohling. "O trade turístico é importante para a manutenção dos indicadores, além de consolidar a cidade de Vitória como um destino turístico de lazer, a partir do fomento e incentivo para o desenvolvimento de atrações e produtos que possam elevar a captação nesse segmento".

Destino turístico

Diego Alves

Curva da Jurema - Terceira Ponte - Convento da Penha (Vista do Hotel Confort

Vitória vem se destacando e ocupando patamares acima da média nacional entre os 65 destinos indutores do desenvolvimento turístico no País (Ampliar imagem)

De acordo com o Anuário, Vitória caracteriza-se como um destino turístico com vocação mais acentuada para o negócio. Em 2014, a ocupação comercial durante a semana (segunda a quinta) registrou uma média de 74,6%, enquanto a ocupação no final de semana (sexta, sábado e domingo) ficou em 56,2%. A média geral de ocupação ficou em 66,6%.

Os meses de maior demanda hoteleira, ainda segundo o estudo estatístico, não acompanharam os períodos de férias escolares, o que reforça o perfil de turismo de negócios na cidade.

Economia

O impacto da cadeia produtiva do turismo na economia da capital revela que o setor representa 4,3% da arrecadação do município, com destaque para os negócios de transporte, hospedagem e alimentação (bares e restaurantes). Juntas, essas atividades representam 78,4% do Imposto Sobre Serviços (ISS) recolhido pelas Atividades Características do Turismo (ACT).

Trabalho

Em Vitória, existem quase 12 mil trabalhadores ligados às Atividades Características do Turismo (ACT), o que representa 5% do total de empregos na cidade. A maior parte desses trabalhadores atua no setor de alimentação. Bares, restaurantes e serviços de fornecimento de refeições coletivas representam, juntas, 75% do total de empregados.

Profissionais com ensino médio completo representam mais da metade da mão de obra (50,7%) e 7,7% possuem graduação completa. Em relação à faixa etária, foi encontrado um perfil jovem. Cerca de 70% dos trabalhadores têm entre 18 e 39 anos, e a maior parte dos empregados (90,7%) ganha até três salários mínimos.

Competitividade

O Ministério do Turismo, o Sebrae Nacional e a Fundação Getúlio Vargas apuram, anualmente, o índice de competitividade dos 65 destinos indutores do desenvolvimento turístico no Brasil. Vitória faz parte desse grupo alcançando resultados acima da média das capitais e do País em 11 das 13 dimensões avaliadas. A capital capixaba recebe nota 73,2, enquanto a média brasileira foi de 59,5.

Entre os setores avaliados, Vitória destaca-se em infraestrutura geral, marketing e programação, políticas públicas, cooperação regional, monitoramento, economia local, capacidade empresarial e aspectos sociais, ambientais e culturais, além de serviços e equipamentos.

Eventos

A realização de eventos que já fazem parte do calendário da cidade, como Vitória Stone Fair, o desfile das escolas de samba do Carnaval de Vitória, a Mec Show, o projeto Fim de Semana na Ilha, o Festival da Torta Capixaba e a captação de outros, como a vinda de seleções que utilizaram a capital como centro de treinamento para a Copa do Mundo 2014 e o show de Paul McCartney, ajudaram a incrementar o turismo na capital.


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site