Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Acesso rápido

Notícias

Fiscalização da Semmam apreende 1,3 mil metros de rede na baía de Vitória

Publicada em 10/03/2017, às 15h27

Por Amilton Freixo de Brito (afbrito@vitoria.es.gov.br) | Com edição de SEGES/SUB-COM


Divulgação Semmam

Apreensão de redes de pesca

Equipe de fiscalização da Semmam apreendeu 1,3 mil metros de rede na baía de Vitória (Ampliar imagem)

Divulgação Semmam

Apreensão de redes de pesca

Ação de fiscalização teve início na madrugada desta sexta com o objetivo de evitar a pesca predatória (Ampliar imagem)

As ações de fiscalização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam) estão sendo intensificadas no combate à pesca predatória. Na madrugada e na manhã desta sexta-feira (10), a equipe de fiscalização da Semmam realizou uma operação, em parceria com o Ibama, na baía do Espírito Santo, que envolve toda orla de Camburi e as ilhas da região.

A ação foi coordenada pelo oceanógrafo Paulo Rodrigues, que é o responsável pelas ações náuticas de proteção ao meio ambiente, cuja atribuição é da Semmam. Ao todo, foram apreendidas duas redes, totalizando 1,3 mil metros. "Uma rede de 700 metros foi apreendida durante a madrugada e outra, durante o dia de hoje", destacou Paulo Rodrigues.

Com a lei nº 9.077/17,  quem for flagrado pescando com qualquer tipo de rede na baía do Espírito Santo e na baía da capital e nos canais de Vitória e Camburi terá todo o material apreendido, pagará multas – que podem variar de R$ 700 a R$ 100 mil – e ainda poderá ser preso.

Nas apreensões feitas este ano, não foram registrados flagrantes e prisões. A penúltima apreensão de rede havia acontecido no dia 20 de janeiro, entre a Ilha do Frade e Camburi, quando foi apreendida uma rede de 2 mil metros, na qual um golfinho ficou agarrado e acabou sendo salvo por ambientalistas.

Grupo de combate

O Grupo Especial de Combate à Pesca Ilegal (Gecopi), que conta com Semmam, Polícia Ambiental, Polícia Federal, Delegacia de Crimes Ambientais, Ibama e Capitania dos Portos, já atuava em casos de pesca predatória e andada de caranguejos e teve os trabalhos intensificados para fazer valer o que determina a nova lei.

Em seu artigo 1º, a lei deixa clara a proibição de pesca utilizando qualquer tipo de redes, como de emalhe, de espera de cerco ou de arrasto. "A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam) será implacável e incansável na fiscalização e no cumprimento da legislação, e os infratores serão penalizados com todos os rigores da lei", destacou o secretário de Meio Ambiente, Luiz Emanuel Zouain.

Anzol

Está permitida a pesca com linha de anzol assistida, conhecida como pesca sustentável, nas baías do Espírito Santo e Vitória, em locais fora da Unidade de Conservação.

Divulgação Semmam

Apreensão de redes de pesca

(Ampliar imagem)

Divulgação Semmam

Apreensão de redes de pesca

(Ampliar imagem)


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site