Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:


Análises de laboratório ajudam a controlar zoonoses

O Centro de Vigilância em Saúde Ambiental - CVSA conta com um laboratório, que é utilizado para as análises necessárias ao controle de doenças transmitidas ao homem pelos animais. Além de examinar amostras de mosquitos e caramujos, o Centro realiza o monitoramento da presença de parasitas e fungos em areias existentes em praias, praças, parques e outros espaços públicos da capital. O monitoramento realizado pelo CVSA auxilia nas atividades de vigilância, norteando os trabalhos de manutenção e limpeza desses espaços, realizados pelas Secretarias de Meio Ambiente e Educação.

A população também pode solicitar vistorias, análises e informações sobre o monitoramento, por meio do 156 Online, com custo de ligação local, de segunda a sexta, das 7 às 16 horas, exceto feriados. Pode ainda usar a opção on-line do 156

Análise de areias - Vigilância Parasitológica e Micológica

O monitoramento das areias é realizado a cada seis meses, nas praias e em todos os estabelecimentos públicos que possuem caixas com o material, como praças, parques e escolas. São mais de 200 pontos sob observação. Quando há contaminação da areia em EMEFs e CMEIs por parasitas e fungos causadores de doenças, a interdição desses locais pode ser feita pela Vigilância Sanitária Municipal.

Identificação relativa à fauna de vetores (insetos) - Vigilância Entomológica

Amostras de mosquitos são coletadas pelas equipes de Agente de Combate às Endemias e pela equipe de controle de mosquito em áreas públicas durante atividades de rotina, bloqueio de casos notificados e outras atividades que envolvam controle desses vetores. As amostras são identificadas pela Equipe do Laboratório do CVSA. Também são identificadas amostras colhidas diariamente em armadilhas luminosas, distribuídas em todo município. Além dessas ações, periodicamente são feitas capturas noturnas para mapeamento das espécies de mosquitos no município.

Com a identificação das espécies coletadas, é possível definir as medidas de intervenção junto às comunidades a partir do que se conhece sobre a biologia dos mosquitos (principais criadouros, período de maior proliferação etc.), sua distribuição e seu comportamento (período de atividade hematofágica e preferência quanto a fonte de sangue) e sua capacidade de transmitir agentes causadores de doenças. Essas informações são importantes para um controle efetivo dos mosquitos e vigilância das doenças transmitidas por eles, bem como para devida orientação à sociedade.

Análise de caramujos - Vigilância Malacológica

A coleta de caramujo é realizada anualmente em todas as coleções hídricas cadastradas no município (lagoas, charcos, nascentes, chafariz, córregos, valas etc.). As espécies são identificadas pelo laboratório do CVSA, onde também é determinada a taxa de infecção pelo Schistosoma mansoni, agente causador da esquistossomose, por meio da pesquisa de cercárias (larvas). Esse serviço tem como objetivo avaliar o risco de transmissão de esquistossomose no município de Vitória.

Última atualização em 20/03/2019

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site