Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Mercado Casa Porto traz shows, estúdio de tatuagem e produção artística

Publicada em 15/05/2018, às 16h06 | Atualizada em 16/05/2018, às 13h24

Por Leo Vais (levsilva@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Matheus Thebaldi


Divulgação Semc

Mercado Casa Porto

UDU tem como princípio difundir a arte contemporânea e potencializar a relação do público com a arte (Ampliar imagem)

Divulgação Semc

Mercado Casa Porto

Trabalho do artista Luciano Cardoso funciona como uma memória ativa, não aquela que serve de lembrança de algo acontecido (Ampliar imagem)

Com a proposta de dar visibilidade à produção de artistas e produtores culturais do Espírito Santo, acontece nesta sexta (18) e neste sábado (19), das 15 às 21 horas, na Casa Porto das Artes Plásticas, no Centro Histórico, a 10ª edição do Mercado Casa Porto.

Depois de nove edições, o evento apresenta algumas novidades. Agora, irá acontecer em dois dias seguidos, terá shows musicais ao vivo, flash day tattoo, além de 15 expositores apresentando trabalhos de diversas técnicas, como pintura, desenho, gravura, cerâmicas e diferentes trabalhos artísticos manuais.

"O Mercado Casa Porto é uma feira de arte que tem origem na necessidade de divulgar, dar visibilidade e possibilitar o desenvolvimento da economia criativa de artistas plásticos. O diferencial desta ação é a oportunidade de o público poder ter acesso às obras de arte de qualidade a um bom custo, conversando diretamente com os artistas" explicou a coordenadora da Casa Porto e uma das idealizadoras do evento, Kênia Lyra.

Expositores

Ana Beloni
Seu trabalho utiliza a fotografia e a ilustração como forma de manifestações expressivas. Suas inspirações estão no universo feminino e feminista.

Anita Ramalhete
A artista usa a técnica de observação para criar cenas paisagísticas buscando diferentes elementos e linhas que compõem o seu trabalho.

Arian Motta
Trabalha atualmente com produção de vídeos, música, instalações de arte e ilustração. Sua poética gira principalmente em torno de questões de memória e gênero.

Caio Moretzsohn
Seus trabalhos apresentam uma série de pinturas de realismo fantástico e pós-impressionismo, realizadas com madeiras encontradas na rua.

Claudia Ladeira
A artista produz, por meio do Trifolium Atelier de Encadernação Criativa, cadernos à mão. Os produtos são pensados, medidos e cortados um a um, conferindo um ar de exclusividade à produção. Além de cadernos, Claudia também produz agendas, álbuns e portfólios.

Erlon Peres Wanderley
O artista produz pinturas, colagens e assemblagens, tendo como inspiração as memórias e sensações acumuladas ao longo da vida e presença marcante de elementos lúdicos.

Ernane Batista
O profissional é artista plástico e, desde 2002, trabalha com cerâmica utilitária e artística. Em seu espaço, no bairro Santa Cecília, desenvolve a sua produção e oferece aulas regulares de cerâmica artesanal.

Eudine Gular
O trabalho do artista retrata figuras humanas refletindo suas condições de fragilidade, insegurança na tomada de atitudes, expectativas de concretização de objetivos, sonhos de vida, sempre diante de um prato vazio.

Liliana Sanches
Marca de slow design que desenvolve produtos artesanais com costura e estamparia manual. As estampas são exclusivas, feitas por serigrafia, com desenhos criados especialmente para a marca. A artista visual Liliana Sanches também cuida de todo o processo de desenvolvimento de cada peça. Entre os produtos, estão mochilas, bolsas, almofadas, gravuras e cadernos com costura manual.

Luciano Cardoso
O trabalho do artista funciona como uma memória ativa, não aquela que serve de lembrança de algo acontecido. É uma declaração de ações vividas. A cada registro, há uma inserção de dados/ pensamentos e experiências – acúmulo de um olhar contaminado pelo momento: passado + presente resultam em imagens que convocam o olhar do outro. “um lugar (in) comum”...

Natália Mancio
Através da marca Eerie Nat, com a ajuda do nanquim e da aquarela, a artista transpõe as ansiedades, tristezas e medos que existem dentro de uma jovem mulher aprendendo seu lugar no mundo, além de pintar mulheres que passam pela minha vida no dia a dia. Os trabalhos serão vendidos em forma de prints e adesivos.

Samyra Lobino
Salobi é uma marca que tem inspiração na satisfação que podemos obter dos pequenos detalhes do cotidiano e da força afetiva e simbólica que elementos simples e ordinários podem carregar. Os desenhos da ilustradora Samyra Lobino, de traços diretos e limpos, compõem peças de porcelana decorativa que buscam na simplicidade de suas formas e cores, marcar com sutileza o olhar.

Talles Artes
A Talles Artes é uma marca que unifica todos os projetos artísticos culturais de Rodolfo Birchler, nas artes visuais, no artesanato, na arte-educação e em projetos de cunho técnico para produções artísticas. Sobre o trabalho relacionado às artes visuais, trata da desconstrução das relações, do corpo, da morte e da vida. Flerta com o figurativo com sutis construções surrealistas e abstratas.

Thaynã Targa
A artista visual e ilustradora se dedica à pesquisa em torno das modificações do corpo e do espaço diante da fluidez da contemporaneidade e seus aparatos tecnológicos. Seus desenhos são realizados a partir de deslocamentos que ocorrem dentro da cidade de Vitória, em representações de prédios, antenas, contêineres, peixes e aquários, ilustrados e aquarelados, trazendo a alusão destes fatores em uma forma delicada e divertida.

UDU
A UDU tem como princípio difundir a arte contemporânea e potencializar a relação do público com a arte e também com a produção artística e cultural. Os trabalhos são produzidos em diversos formatos, como revistas, exposições, feirinhas de arte e ocupações.

Flash Tattoo

O Flash Day Tattoo é uma tendência em todo o Brasil, ao levar para eventos estúdios de tatuagens itinerantes que executam desenhos minimalistas, em pequenos tamanhos e preços acessíveis. Quem irá participar do Mercado Casa Porto é o 7 Luas Tattoo Studio, formado por Vanessa Baliana, Luara Monteiro e Isabela Bimbato.

Shows

O evento contará com dois shows ao vivo: na sexta (18), o músico Marcos Bifão leva o universo pop para a Casa Porto; e no sábado (19), a brasilidade toma conta do espaço com o Trio Mafuá. Com 10 anos de estrada, o grupo é um dos grandes nomes do forró no Estado e promete um show dançante e animado com repertório autoral e uns clássicos do gênero.

Serviço
10º Mercado Casa Porto
Quando: 18 e 19 de maio, sexta e sábado, das 15 às 21 horas
Onde: Casa Porto das Artes Plásticas - Rua Manoel Silvino Monjardim, 66, Centro
Aberto ao público

Matéria relacionada

Casa Porto e Mucane participam da 16ª Semana de Museus

Divulgação Semc

Mercado Casa Porto

Ernane Batista trabalha com cerâmica utilitária e artística (Ampliar imagem)

Divulgação Semc

Mercado Casa Porto

Liliana Sanches desenvolve produtos artesanais com costura e estamparia manual (Ampliar imagem)


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site