Prefeitura Municipal de Vitória

Atalhos de teclado:

Notícias

Andaraí abre os desfiles de sábado com problemas no abre-alas

Publicada em 03/02/2018, às 23h42

Por Eduardo Brinco (ebvieira@vitoria.es.gov.br) | Com edição de Alexandre Lemos


Leonardo Silveira

Desfile da Escola de Samba Andaraí no Carnaval 2018

O casal de mestre-sala e porta-bandeira da Andaraí conseguiu animar o público presente no Sambão do Povo (Ampliar imagem)

Leonardo Silveira

Desfile da Escola de Samba Andaraí no Carnaval 2018

Cerca de 1.500 pessoas participaram do desfile da Andaraí, que se apresentou com 17 alas e quatro alegorias (Ampliar imagem)

Sinal verde para a segunda noite de desfiles das escolas de samba no Sambão do Povo, em Vitória. Nesta noite pisam na avenida as escolas do grupo especial. E abrindo os desfiles, a escola Andaraí, que retornou esse ano ao Grupo Especial, vem com o samba-enredo “Quem conta um conto aumenta um ponto com a certeza de quem viu! Mas não leve tão a sério é 1° de Abril”.

E, o que parecia ser só mentira no samba-enredo se tornou realidade com o primeiro carro da escola que quebrou após 15 minutos na avenida. Isso comprometeu a evolução da escola, fazendo com que as alas tivessem que passar pelo carro que ficou parado durante 30 minutos na avenida.

A escola que veio com garra e brilho vai enfrentar problemas para se manter na elite do Samba, pois terminou o desfile com seis minutos e meio além do tempo regulamentar. Cerca de 1.500 pessoas participaram do desfile da Andaraí, que se apresentou com 17 alas e quatro alegorias.

Quando a Caravela de Cabral, o carro que deu problema, começou a andar na avenida, a escola levantou a arquibancada com o seu enredo questionador, plantando a dúvida na cabeça dos foliões: afinal, até que ponto o que acreditamos é verdade ou apenas uma invenção? Além de colocar à prova fatos históricos, a agremiação abordou as mentiras do cotidiano e as fraudes da política nacional.

Antes de entrar na passarela do samba, a quieira da Andaraí, Heloísa Cuíca, disse estar confiante na escola. “Nossa expectativa é superar o desfile do ano passado, pois agora estamos no Grupo Especial e queremos mostrar a força da escola. Estamos bastante animados com várias inovações e bossas, tentando o melhor, sempre", apontou.

Dispersão

O abre-alas também causou problema na dispersão do sambódromo. O carro também ficou parado no final da passarela do samba, atrasando a saída dos outros carros alegóricos.


Para dúvidas ou informações sobre os serviços da Prefeitura, ligue 156 ou use o serviço on-line.


Voltar para o topo

Prefeitura Municipal de Vitória
Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 1.927
Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945
Telefone: (27) 3382-6000 (Atendimento ao público de 12h às 19h)
Voltar ao topo do site